Análise de Produto 434 / 488 vídeos

BLU Vivo XI e Vivo XI+: carregamento por indução em modelo intermediário

06:07 | Por Wellington Arruda | 01 de Outubro de 2018
Tudo sobre

BLU

Saiba tudo sobre BLU

Ver mais

A fabricante de smartphones BLU lançou recentemente dois novos produtos, o Vivo XI e o Vivo XI+, com a premissa de conquistar os consumidores com um preço competitivo e hardware equiparável ao do mercado atual.

A grande novidade com a chegada dos dispositivos é que a BLU também desembarca oficialmente no Brasil. O anúncio foi feito em 6 de setembro e a companhia trouxe ambos os dispositivos para cá.

Oficialmente, o BLU Vivo XI tem valor estipulado em R$ 899 para a versão com 3 GB de RAM e 32 GB de memória, e o Vivo XI+ é vendido inicialmente por R$ 1.299 com 4 GB de RAM e 64 GB de memória; a variante do smartphone maior com 6 GB de RAM e 128 GB de memória tem o preço de R$ 1.599.

BLU Vivo XI

Esteticamente os dois celulares são bem parecidos, mas não exatamente iguais. Eles têm construção em vidro Gorilla Glass, lateral em alumínio e telas com maior dimensão em relação ao corpo.

O BLU Vivo XI vem com painel IPS de 5.9 polegadas de resolução 1520 x 720 pixels, proporção 19:9 e o notch. Ele pesa cerca de 187 gramas e tem uma pegada confortável, já que não é tão grande quanto o seu irmão, o Vivo XI+.

O aparelho traz entrada para fones de ouvido na parte superior, saída de som, porta microUSB e microfone na inferior. Ele conta, também, com câmeras posicionadas na vertical e entrada para dois chips de operadora, onde um dos slots pode ser usado por um microSD.

As câmeras do aparelho tem a seguinte configuração: a principal é um sensor de 13 MP (f/2.0), que conta com ajuda de um de 5 MP para registrar detalhes e fazer cliques com o modo retrato. Já na parte frontal, a câmera do smartphone tem 16 MP (f/2.0) com suporte ao modo com fundo desfocado e embelezamento.

No hardware, o BLU Vivo XI tem chipset MediaTek Helio P22 de CPU octa-core com clock de 2.0 GHz. Ele conta ainda com 3 GB de RAM e 32 GB de espaço interno, o que é suficiente para quem busca um uso equilibrado para produtividade e entretenimento, considerando que ele tem capacidade de rodar jogos também pesados.

Blu VIVO XI+

O modelo maior, o BLU Vivo XI+, tem display IPS de 6.2 polegadas (2246 x 1080 pixels) de proporção 18.7:9. Ele conta com o mesmo acabamento em vidro arredondado e 2.5D nos cantos. Essa é umas das principais vantagens dele, que é mais recomendado para quem procura um smartphone com tela maior para consumir conteúdo.

Na parte das câmeras, o BLU Vivo XI+ tem as mesmas configurações do Vivo XI, mas com uma diferença na parte frontal. Os dispositivos contam com um sistema de desbloqueio facial, mas que funciona “melhor” na versão maior do produto.

O Vivo XI+ conta com um sensor infravermelho para fazer a leitura do usuário e funciona, inclusive, em locais com baixa luz. Se você preferir, os dois ainda contam com leitor de impressão digital na parte traseira.

No hardware, o Vivo XI+ traz o chipset Helio P60 octa-core, 4 ou 6 GB de RAM, 64 ou 128 GB de espaço interno. Por contar com mais poder de fogo, ele acaba se saindo melhor em jogos pesados como PUBG ou Asphalt 9, e na navegação ele também se sai melhor que a versão mais básica.

Bateria, recursos e extras

Nas baterias, o Vivo XI e Vivo XI+ trazem, respectivamente, 3.000 e 3.050 mAh. Nos nossos testes, ambos os celulares permaneceram ativos por uma média de 6 horas com a tela ligada, o que é suficiente para um dia inteiro de uso, considerando que você não fique todo esse tempo em sequência usando o celular.

Mas, como novidade, o Vivo XI+ tem suporte ao carregamento por indução, algo que normalmente não vemos nesta faixa de preço. Ele também conta com entrada USB-C, que vem se tornando o novo padrão para smartphones e gadgets.

Dentre os recursos extras, a BLU adicionou suporte ao “carregamento reverso” no modelo maior e gestos de navegação para você iniciar aplicativos e afins. A fabricante, inclusive, manda na caixa dos produtos --que é bem estilosa, diga-se de passagem-- duas capinhas de proteção, sendo uma personalizada e outra transparente. Outro brinde interessante são películas para você aplicar na tela do aparelho para evitar riscos e danos diretos.

Os novos dispositivos da BLU já estão disponíveis aqui no Brasil nos canais oficiais da empresa, que vem atuando no mercado varejista. Ambos rodam, atualmente, o Android 8.1.0 Oreo, mas a fabricante afirmou que a atualização para o Android 9 Pie acontecerá nos primeiros meses de 2019.

Para o valor atribuído aos dois produtos, a BLU faz uma aposta interessante tanto no Brasil quanto nos outros países em que atua. Mas, e vocês, o que acharam dos novos smartphones da BLU?

Gostou desse vídeo?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.